Aduferpe engajada na luta contra a reforma da previdência

Lideranças de sete centrais sindicais mobilizaram nesta quarta (20), no Centro do Recife, o Dia Nacional de Luta Contra a Reforma da Previdência, que aconteceu com uma Aula Pública sobre a desastrosa reforma da previdência de Jair Bolsonaro, entregue dia 20 na Câmara dos Deputados.

Atos em repúdio à proposta aconteceram em 11 estados, puxados pelas centrais sindicais e movimentos populares. A Assembleia Nacional da Classe Trabalhadora ocorreu em São Paulo, organizada pela CUT, CTB, CSP Conlutas, Intersindical, Força Sindical, Nova Central e UGT.

A direção da Aduferpe, professores e técnicos da UFRPE participaram do ato. Para a presidenta da Aduferpe, professora Erika Suruagy, essa reforma é um ataque brutal aos direitos e as conquistas da classe trabalhadora brasileira.

Entre os pontos mais nocivos da reforma defendida pelo governo destacam-se: a criação de um novo sistema previdenciário baseado na capitalização e o estabelecimento de uma idade mínima para aposentadoria de 65 anos para homens e de 62 anos para mulheres ao final de um período de transição de 12 anos. E para piorar os beneficiários terão que contribuir por, no mínimo, 20 anos.

Por nenhum direito previdenciário a menos, vamos todos à luta! 👊🏼👊🏾👊🏿💪🏻💪🏾💪🏿

 

Aduferpe
Sobre o autor
Criador de conteúdo, responsável por divulgar notícias e informações de utilidade pública ao servidores da instituição de ensino UFRPE.

Deixe seu recado