Aduferpe faz doação solidária para Trapeiros de Emaús

Comprometida com a sustentabilidade ambiental e a justiça social, direção da Aduferpe fez a doação de vários equipamentos sem utilidade para a ong Trapeiros de Emaús, que realiza um trabalho de transformação social a partir da reciclagem e gestão de resíduos. Foram doados monitores, fax, datashow, arquivo de aço, cadeiras, aparelhos telefônicos e máquinas de calcular e fotográfica. Segundo a presidenta da Aduferpe, Erika Suruagy, os equipamentos estavam muito danificados e sem condições de uso.

Após coletados pela ong, os objetos doados passam por reparos e, posteriormente, são vendidos com preços simbólicos em bazares solidários. Parte do dinheiro arrecadado é aplicada na oferta de cursos gratuitos de Manutenção de Micros e Redes, Eletricidade Predial e Industrial Básica, Refrigeração e Climatização Comercial, que funcionam na Escola de Educação Profissional Luís Tenderini, no bairro da Linha do Tiro.

A organização não governamental foi fundada no Recife, em 1996, por Dom Helder Câmara e Luís Tenderini. Hoje existem 350 organizações de Emaús, espalhadas em 37 países. Sua missão mobilizar o descarte, transformando-o em recursos para ajudar pessoas de comunidades em situação de vulnerabilidade, promovendo igualdade, justiça social e oportunidades de modo sustentável.

Se você possui objetos que já não têm utilidade, entre contato com Trapeiros de Emaús e faça também uma doação solidária. Saiba mais acessando www.emausrecife.org

Contato: 81. 3451.2247