AI-5 FAZ 50 ANOS: NÃO AO RETROCESSO!

Em 13 de dezembro de 1968 a ditadura civil-militar de 1964 citando “a ordem, a segurança, a tranquilidade econômica, o desenvolvimento econômico e cultural, a harmonia política e social do país”, editou o Ato Institucional nº 5 , que escancarou as portas da violência. Seguiram-se o fechamento das casas parlamentares, a cassação de mandatos e de direitos políticos, a demissão e aposentadoria de servidores públicos, a intensificação da censura, da repressão, da tortura, do assassinato e desaparecimento de presos políticos.

No ano de 2019 ocuparão o governo central do Brasil forças políticas que cultuam  o passado ditatorial e anunciam medidas que constituem retrocessos ante os direitos sociais e as conquistas democráticas inscritos na Constituição de 1988, já muito agredida pelo governo Temer, após o Golpe de 2016.

É hora de aprofundar e alargar a resistência contra o neofascismo, defendendo um a um os direitos conquistados pel@s trabalhador@s e o povo brasileiro.

Vamos à luta!

Direção da Aduferpe

Aduferpe
Sobre o autor
Criador de conteúdo, responsável por divulgar notícias e informações de utilidade pública ao servidores da instituição de ensino UFRPE.

Deixe seu recado